As Pontes e o Caminho

Publicado: maio 24, 2014 em Estudos Bíblicos
Tags:, , , , , ,

 

Nos dias de hoje não é difícil de ouvir a expressão ou o pensamento: “Vamos criar uma ponte para levar o evangelho à outras pessoas”, esse pensamento nasce com a intenção de alcançar números maiores de pessoas, por isso as igrejas (denominações) estão recorrendo aos meios mais diversos para “agradar” e “atrair” pessoas.

Como um meio evangelístico estas mesmas denominações vivem criando eventos do tipo baladas, shows, festas, bailes funk, rachas automotivos, entre outros principalmente pra alcançar os jovens, estão tentando trazer eles para Cristo com as práticas que eles já fazem só que em uma versão “gospel” uma versão “santa”, afinal o mundo oferece muito “prazer” e a igreja vai oferecer o que?

Acredito que o “construir pontes” para evangelizar alguém pode sim ser algo valido e muito útil, por exemplo existem peças de teatro muito boas que trazem uma profunda reflexão sobre a vida e sobre o Cristo,  atividades no estilo acampamento também podem ser boas e edificantes, e algumas outras coisas podem ser muito construtivas principalmente pela perspectiva de que os templos estão cada vez maiores e as pessoas cada vez mais distantes umas das outras, você pode participar de uma comunidade de 1.000 membros e não conhecer nem 20 deles, e cristianismo é também troca com outras pessoas, é o alegrar-se com quem está feliz, chorar com quem chora e orar com quem precisa, por isso digo que algumas “pontes” vão ser boas pra igreja, principalmente aproximando as pessoas que os grandes templos acabam distanciando.

Em contra partida são os pontos negativos que estão tomando conta das denominações evangélicas, se vê pessoas gastando muito, mais muito, dinheiro pra fazer um show, se vê pessoas gastando suas energias organizando algo “diferente” para atrair pessoas, se vê pessoas gastando todo o tempo que elas tem disponível divulgando ou trabalhando em um evento, e como essas práticas estão cada vez mais comuns as novas gerações estão recebendo como herança um evangelho de luzes coloridas, gelo seco (fumaça branca que vemos nos shows) e muita festa, acompanhada da frase “É pra Jesus”, “isso é evangelismo” afinal talvez a pessoa só vá “ouvir” de Jesus na Have Gospel.

Isso é um perigo e um grande equívoco da “igreja” contemporânea, talvez isso possa até ter nascido para acabar com a religiosidade, o legalismo, as proibições descabidas impostas a alguns tempos atrás e que hoje tem se diminuído.

Mas o ápice dessa reflexão são as pontes em detrimento do Caminho. Quero mostrar apenas dois trechos das Escrituras para compreendermos isso:

“E vós sabeis o caminho para onde eu vou.

Disse-lhe Tomé: Senhor, não sabemos para onde vais; como saber o caminho?

Respondeu-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai senão por mim.” (João 14:4-6)

Nesse trecho fica claro que ninguém pode se achegar a Deus se não for por intermédio de Cristo, a igreja (Organização) não pode te levar a Deus, a religião não pode te levar a Deus, as baladas não podem te levar a Deus, os métodos extravagantes não podem te levar a Deus, somente Cristo é que pode te levar ao Pai Celestial.

Deus assim decretou, só se chega a ele através de seu filho Jesus Cristo que abriu um novo e vivo caminho (Hebreus 10:20) para nós pecadores.

 O outro texto que complementa isso, é Romanos 1:16-17 que diz:

“Não me envergonho do evangelho, porque é o poder de Deus para a salvação de todo aquele que crê: primeiro do judeu, depois do grego.

Porque no evangelho é revelada a justiça de Deus, uma justiça que do princípio ao fim é pela fé, como está escrito: “O justo viverá pela fé”.

Com esse texto fica claro que a nossa preocupação como Cristãos deve ser anunciar o evangelho para que as pessoas conhecem o Caminho, pois ele por si só é suficiente para a salvação das pessoas, e anunciar o evangelho não é dizer: Jesus te ama e sair correndo, é saber o suficiente para explicar o que é o evangelho? Quem é Cristo? O que é Salvação?

Com tudo isso quero convidar você caro amigo(a), há gastar o seu tempo conhecendo esse evangelho maravilhoso ao invés de gastar todo seu tempo organizando festas, organizando eventos, a sua missão é anunciar, “Vocês, porém, são geração eleita, sacerdócio real, nação santa, povo exclusivo de Deus, para anunciar as grandezas daquele que os chamou das trevas para a sua maravilhosa luz.” (1 Pedro 2:9) Não se preocupe em deixar Jesus “maneiro” não se preocupe em “casa cheia”, talvez essa quantidade excessiva de “pontes” tem apenas desviado o olhar das pessoas e escondido o que realmente interessa, o Caminho. Não se esqueça se você conseguir explicar o Evangelho ele será suficiente, a graça irresistível de Deus atrairá as pessoas e estas terão suas vidas mudadas de fato e serão novas criaturas sem necessidade de fumaça, sem luzes coloridas e sem extravagancias.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s